CANTINHO UM OLHAR...UM SORRISO ...PRA VOCÊ.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

**MATURIDADE..**


E QUE A MATURIDADE NOS TRAGA ..

MAIS PODER DE ESCOLHAS E CORAGEM ..

PARA NOSSAS ADVERSIDADES QUE SÃO TANTAS...

QUE O AMANHÃ NOS DE FIRMEZA EM FORMA DE ATITUDES E QUE..

O NOSSO MELHOR ABRAÇO COMECE EM NÓS ILUMINANDO TUDO...

AO REDOR POIS É SOMENTE NA CLARIDADE QUE MORA A NITIDEZ....

DO NOSSO OLHAR PORTANTO PRESTE MUITA ATENÇÃO NO QUE VOCÊ..

 DIZ OUTRA COISA SE TIVER QUE ESCOLHER ENTRE O SONHO E A...

REALIDADE FIQUE SEMPRE COM A REALIDADE ELA PODE NÃO SER TÃO...

BRILHANTE QUANTO O SONHO MAS TEM A VANTAGEM DE EXISTIR PSIU:

MAS NUNCA DEIXE DE SONHAR DIA LINDO  COM BÊNÇÃOS DO ALTÍSSIMO..
Foto: Quando depositamos muita confiança ou expectativas numa pessoa, o risco de nos decepcionar é grande.
 
As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as delas.
 
Temos que nos bastar... nos bastar sempre e quando procuramos estar com alguém, temos que nos consciencializar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.
 
As pessoas não se precisam, elas se completam, não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objectivos comuns, alegrias e vida.
 
Com o tempo vai perceber, que para ser feliz com a outra pessoa, precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que ama (ou acha que ama) e que não quer nada consigo, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.
 
Aprenda a gostar de si, cuidar de si, e principalmente a gostar de quem gosta de si.
 
O segredo é não cuidar das borboletas, e sim cuidar do jardim para que elas venham ao seu encontro.
 
No final das contas, vai achar, não quem estava a procurar, mas quem estava a procurar por si!
 
----------------------- Mário Quintana
 Foto: Quando depositamos muita confiança ou expectativas numa pessoa, o risco de nos decepcionar é grande.
 
As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as delas.
 
Temos que nos bastar... nos bastar sempre e quando procuramos estar com alguém, temos que nos consciencializar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.
 
As pessoas não se precisam, elas se completam, não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objectivos comuns, alegrias e vida.
 
Com o tempo vai perceber, que para ser feliz com a outra pessoa, precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que ama (ou acha que ama) e que não quer nada consigo, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.
 
Aprenda a gostar de si, cuidar de si, e principalmente a gostar de quem gosta de si.
 
O segredo é não cuidar das borboletas, e sim cuidar do jardim para que elas venham ao seu encontro.
 
No final das contas, vai achar, não quem estava a procurar, mas quem estava a procurar por si!
 
----------------------- Mário Quintana
Foto: Encha meu coração com música e
Deixe-me cantar sempre mais,
Você é tudo que por muito tempo procurei
Tudo que eu venero e adoro...

_Frank Sinatra..

♥MO ♥♥ NY♥
Foto
Foto: "A perfeita combinação.
Soma de duas metades.

OTM

♥MO ♥♥ NY♥
Foto: Eu só quero isso. Alguém que chegue, me faça rir, permaneça. Que dispute comigo no final do dia quem ama mais. Eu só quero isso: um pouquinho de amor, de carinho. Quero alguém que fique, por mais difícil que esteja. Um sol pra me fazer de Terra e girar em torno. Para me iluminar, por mais que a escuridão aparente não ir embora. Alguém para rir das piadas mais estúpidas do mundo. Quero alguém que exista apenas em mim, quero existir em alguém. Ser o mundo de alguém. Quero alguém que, no final de um diálogo, diga tchau, pelo menos umas 5 vezes e depois de tudo, apenas, esqueça de ir embora.

(Fernando Moura)

♥MO ♥♥ NY♥
Foto: AO SEU OLHAR

Eu não te olhei nos olhos
quando era pra olhar...
Quando os teus olhos
me apontavam sorrisos...
Nos momentos
em que o teu coração
te pulsava em delírios
por me ver passar...

Eu não te olhei no momento
em que os meus passos
eram falsos no desalento
de te enxergar...
Em que os teus desejos perdidos
vagavam sem hora e feridos
por me encontrar...

...em qualquer tempo,
ou lugar...

Num transbordar inventivo
do qual hoje não vivo
no fascínio de amar,
eu não te olhei no amor
quando era pra olhar...

Hoje sinto as ternuras
que te deixei sair...
Por buscar outra caricia,
a deparar outro sorrir... 

No pulsar da paixão
em cobiça a te encontrar, 
é que hoje embriagado
eu vagueio na esperança
de me ver passar...

...em qualquer tempo,
ou lugar... 

Poeta Dolandmay


"In letras de música"

Nenhum comentário:

Postar um comentário